O que é TV Corporativa? Saiba sua definição e características

mural-x-tv-corporativaAs empresas ampliaram sua visão de comunicação à algum tempo e identificaram que é preciso inovar em todos os aspectos e isso não foi diferente para a área de comunicação: Para substituir os murais, panfletos e jornais impressos que circulavam informações para colaboradores, avisos para os clientes e novos procedimentos e que exigiam ações trabalhosas de atualização e dependia-se de várias mãos mas, muitas vezes, a informação não chegavam a todos. Sendo assim, algumas organizações investiram em sistemas online para comunicar a todos, isso chama-se TV Corporativa!.

A TV Corporativa é o que há de mais modernos e atual no que diz respeito a comunicação interna, endomarketing, atração de clientes (interno e externo) por meio de rede digitais e sociais (interna e externa). É uma ação de mídia indoor digital que abrange a comunicação institucional e apresenta o mercado (e notícias externas) aos colaboradores e afirmo que começa a estreitar o relacionamentos entre a empresa e seus públicos de interesse e interessados.

Contextualizando um pouco mais, na prática de disponibilizar informação, empresas adotaram, inicialmente, murais digitais ou mural eletrônico para informar seus colaboradores as novidades, feitos, prêmios, ou seja, aquilo que a organização vêm fazendo para ser melhor e inovadora sempre na busca de transparência e aproximação com os colaboradores e aqueles que a visitavam. A TV Corporativa, geralmente, fica espalhada por toda a organização (produção, recepção, áreas corporativas…). É prático e eficiente: precisa de poucos profissionais atuando por trás dele, além da organização investir em TV´s (o que reduz o custo, pois não haverá muito mais impressão) e garante informação rápida.

O que a empresa pode disponibilizar através da TV Corporativa? A empresa deve entender a sua missão, visão e valores e incluir temas de interessa como: plano estratégico, lançamento de produtos, prêmio, cotações do dólar e novas regulamentações e tantos outros temas!

É importante conhecer e aplicar o endomarketing!

Wiki Corporativo: Casos de Sucesso

É difícil encontrar casos de sucesso/insucesso especificamente sobre Wiki Corporativo. Selecionei três estudos de caso sobre o tema, que podem ser considerados casos de sucesso pois trazem em suas considerações finais resultados positivos para o caso em questão.

O primeiro selecionado são slides que encontrei em pdf do trabalho de conclusão de curso da aluna Juliana Camargo Souza Macedo, intitulado “Wiki como ferramenta de Gestão do Conhecimento: um estudo de caso na biblioteca Amadeu Amaral.” Os slides deixam claro que a organização se beneficiou muito com a implantação de um Wiki Corporativo para auxiliar na Gestão do Conhecimento. Conforme a pesquisa, 92% dos colaboradores se sentem motivados a colaborar com a nova ferramenta de gestão. A autora ainda lembra que para ter sucesso, é preciso trabalhar no Wiki diariamente.

O segundo é o artigo “USO DE WIKI PARA MELHORIA DE PROCESSOS: O CASO DA VALE” escrito por Alexildo Velozo Vaz e Diana Pierre do Nascimento. Esta é uma opção de leitura com mais conteúdo, tanto de definições e referencias bibliográficas como em relação ao estudo de caso, que tem mais detalhes. Nas conclusões eles destacam: “Como pontos de atenção, destacam-se a necessidade de envolvimento das pessoas interessadas (stakeholders) desde o inicio dos projetos; a importância de ter um objetivo claramente definido para o uso final da wiki e a necessidade deste objetivo estar inserido no processo de trabalho para alavancar a adesão dos participantes.”

O último selecionado, encontrado no slideshare, é uma ótima pedida para quem tem interesse em aprofundar a leitura sobre Wikis em organizações familiares: “Wiki como ferramenta de colaboração em empresas familiares – estudo de caso“, trabalho de 2012 de Francisco Aparecido da Silva. Seguindo a mesma linha do anterior, tem bastante referencial teórico e um estudo de caso de implantação de Wiki em uma empresa familiar.

Quais os benefícios de uma intranet corporativa?

Intranets são redes corporativas que utilizam a mesma tecnologia da internet e a mesma infra-estrutura. O principal objetivo é permitir o fluxo de informações num único local de maneira rápida e eficiente, com fácil acesso e compartilhamento por pessoas autorizadas em vários todos os departamentos da empresa. Para muitas organizações hoje, a Intranet é tão importante quanto o site   da empresa, poder centralizar as informações e comunicar as estratégias de forma rápida e barata para todos os níveis hierárquicos é uma das vantagens que a Intranet pode proporcionar. As Intranets têm crescido tanto quanto os sites das empresas e já demandam sistemas de busca e recuperação de informação tão desenvolvidos e complexos quanto o papel que o Google desempenha na Internet. Esses sistemas permitem a indexação de documentos, arquivos, imagens, vídeos, etc…

As vantagens oferecidas pela intranet são várias, entre elas podemos destacar:

  • Interligação de unidades e departamentos, mesmo que fisicamente separados;
  • Diminuição de custos com telefonia, correspondências, etc;
  • Aumento de produtividade pois o acesso as informações é imediato.
  • Facilidade para publicação de treinamentos, informativos, circulares e etc.
  • Facilidade para divulgação interna de seus produtos e serviços;
  • Criação de um valioso patrimônio cultural da empresa;
  • Aumento da segurança a informações e documentos, que com a intranet passam ser protegidos, diminuindo e evitando a circulação de documentos impressos de mão em mão;

Tudo isso contribui de forma extraordinária para o aumento da produtividade, desde que a empresa mantenha seus funcionários motivados e cientes de todas as atualizações e novas atribuições que estão disponíveis para eles, dentro do ambiente virtual da corporação. Uma empresa que incentiva a socialização dos colaboradores e a retenção do conhecimento tende a ter vantagens competitivas perante a concorrência, pois está valorizando seu ativo mais importante, que são os colaboradores e seu conhecimento que eles tem da organização.

As preferências nas contratações pelas Redes Sociais.

tendencias-TI

O CURRÍCULO COMO CONHECEMOS HOJE NÃO EXISTIRÁ MAIS EM 2020

Com as mudanças que vem ocorrendo na tecnologia, atualizações, novas ferramentas, os arquivos que salvamos no world, PDF, vão passar a não existir mais, pois as redes sociais então tomando a frente, onde é mais vantajoso tanto para as empresas como para as pessoas que passam a maior parte na utilização da internet, e com isso o envio de currículos, cadastros feitos por internet se torna cada vez mais fácil, pois as pessoas tem a possibilidade de sempre manter os seus dados atualizados e o acesso a busca de vagas se torna mais prático para se candidatar as vagas.

Leiam mais sobre a noticia:

Administradores

RECRUTAMENTO VIA REDES SOCIAIS JÁ É REALIDADE E DA FRUTOS

Já no artigo abaixo já mostra com base em pesquisa feita com uma empresa sobre a importância hoje de buscar e selecionar candidatos através das redes sociais, pois a facilidade de informações que eles conseguem extrair dos candidatos são muito maiores do que uma simples entrevista, nos estudos apontados mostra por exemplo que muitas empresas deixam de contratar alguns profissionais devido ao conteúdo exposto dos mesmos em suas redes sociais.

Leia mais:

Marketing Pessoal

O que é Intranet

O termo intranet surgiu na metade da década  de 90  nos  E.U.A. para resolver problemas de comunicação corporativa,

Muitas   definições   se   referem   à intranet  como sendo uma rede privada de computadores, um portal da empresa com acesso permitido somente aos seus colaboradores, mas o conceito é muito mais amplo.

A intranet   pode  trazer  todas   as  vantagens  e  facilidades de  comunicação adquiridas com  a  internet  para  dentro da   empresa  com a possibilidade de permitir  a   retenção  do   conhecimento  pela organização.

Assim podemos entender a intranet como uma série de sites interligados e que só podem ser acessados de dentro da empresa.

O principal  objetivo  da  intranet   corporativa  é  aplicar  as  ferramentas  e  as tecnologias   da  internet   em   um   meio corporativo obtendo ótimos resultados. Esta ferramenta centraliza  em um  mesmo lugar, todos os tipos  de  comunicação dentro da empresa, com segurança e a um custo benefício muito vantajoso para os negócios da corporação.

As intranets normalmente permitem alguma forma de identificação do  usuário  que está  acessando, normalmente essa identificação é feita através do login e dessa forma é possível restringir o acesso a informações que sejam restritas.

Não é raro que as intranets tenham áreas de acesso restrito. Um gerente tem acesso a informações pertinentes ao seu cargo, o mesmo acontece com os diretores e presidente da empresa. O ideal é que isso seja feito  de forma transparente, sem que o funcionário se sinta menosprezado por não ter acesso a alguma área,

O que é Wiki Corporativo?

Todo mundo que já realizou uma pesquisa na internet conhece a famosa Wikipédia, a enciclopédia livre, site que armazena informações de todo tipo, em que qualquer pessoa (até você!) pode editar, complementar e escrever artigos. O Wiki Corporativo é algo bem parecido: um software que faz parte da Intranet de uma organização em que todos os seus colaboradores podem escrever sobre o que quiserem, que achem pertinente ao contexto corporativo.

Então, o colaborador pode criar qualquer tipo de documento: escrever sobre algum projeto que está implantando na empresa, novidades em sua área de atuação, informações ou dicas sobre algum procedimento interno, etc. Qualquer documento inserido no Wiki Corporativo da organização será compartilhada com todos os seus colaboradores e qualquer um poderá acessar o site como ferramenta de busca e também editar/complementar qualquer conteúdo.

Assim, com o Wiki Corporativo a organização incentiva o compartilhamento de informações e conhecimentos, a interação entre os colegas de trabalho e a comunicação, dando valor aos conhecimentos de cada funcionário (já que todo documento tem o nome de seu autor). Ao mesmo tempo é uma fonte de aprendizado informal dentro da corporação, o que pode até ser considerado uma singela forma de complemento para a educação corporativa.

Ainda tem dúvida sobre o que é Wiki Corporativo? Leia mais em: sabesim e technet!

INTRANET CORPORATIVA

Intranet

 

A empresa Teck, empresa que usaremos como exemplo no assunto implantação da ferramenta intranet, é uma empresa canadense de recursos, responsável por mineração e desenvolvimento de minerais, voltada para cobre, carvão siderúrgico, zinco e energia. A Teck também é uma importante produtora de metais especiais como germânio e índio. A empresa está sediada em Vancouver, Canadá e tem escritórios no mundo inteiro.

A intranet corporativa anterior da Teck baseava-se no SharePoint Server 2010. Ao longo dos anos, a Teck criou diversos sites de intranet em toda a empresa, muitos dos quais eram sites autônomos. Outros escritórios, como um em Santiago, no Chile, não foram conectados à intranet corporativa. Esses fatores se combinaram para criar um cenário em que o conteúdo estava desatualizado, de baixa qualidade e difícil de encontrar. Significou ainda que os funcionários em todo o mundo não podiam ver notícias ou conteúdo multilíngue ou específico do local.

A Teck decidiu inovar na ferramenta Intranet corporativa, onde anteriormente era utilizado a ferramenta Share Point Server 210, e após toda uma reestruturação da ferramenta foi atulizado para Share Point Server 2013, passando de um conteúdo desatualizado, limitado a alguns usuários, de baixa qualidade e dificil de encontrar. Onde a partir da reestruturação todos os colaboradores da empresa em acesso, em diversos idiomas, onde seu perfil é definido no primeiro acesso, podendo o usário configurar seu idioma de preferencia, flexivel ns slteração, podendo ser alterado a qualquer momento seu perfil ja definido.

O objetivo e missão da implantação da nova ferramenta é desenvolver um site intranet bilingue, global, intuitiva e simples para comunicação corporativa, gerenciamento e promoção do compartilhamento da informação, e promover culturae comunidade na empresa.

Objetivos:

  • Criação do conteúdo dinâmico de vários locais
  • Centralizar o conteúdo de vários locais
  • Ativar visualização e criação de conteúdo de idioma neutro e multilíngue
  • Ativar a alternância da preferência de localização e idioma
  • Construir navegação do site personalizada e baseada no local.

Há também a variação para poder atender aos requisitos de conteúdo multilíngue, onde é criado um conteúdo em um idioma principal e traduzido em um outro idioma, conforme a necessidade de cada unidade da empresa espalhada pelo mundo todo.

O maior resultado dessa inovação é deixar os funcionários de toda empresa atualizados e simplificar a informação, onde em uma única visualização conseguem obter informações locais e globais.

A solução com a implantação da ferramenta resumida em poucas palavras é para que os funcionários possam visualizar tanto conteúdos corporativos (global) quanto conteúdos de uma determinada localização (local) em um único site.

 

No link abaixo você consegue assistir em vídeo sobre o assunto:

https://products.office.com/pt-br/SharePoint/connect-with-employees-across-the-enterprise?videoid=35973c0b-fdc8-4e54-bb2b-e582574900e1&from=sharepermalink-link


Maiores detalhes da implantação da ferramenta, acesse o link abaixo:

https://technet.microsoft.com/pt-br/library/ff628966.aspx Continuar lendo

Gestão da comunicação em gestão de projetos – Slide

Comunicação envolve tudo, saber comunicar-se, dar e receber um feedback de uma forma clara, para negociar, se relacionar, liderar e gerir equipes, as chances de erros são menores. A boa gestão de pessoas, de projetos requer liderança e comunicação.

Na figura abaixo podemos ver o que mais as empresas valorizam qualquer projeto.

Pagina 27

Ou seja, a liderança, a comunicação e a capacidade de integração são essenciais para um bom gerenciamento.

No slide abaixo fala da  importância da comunicação:

TI, Segurança da Informação e Gestão de Pessoas

A Segurança da Informação é a proteção dos sistemas de informação, uma garantia de confidencialidade e segurança de que os dados e informações são acessíveis apenas por pessoas permitidas, obtenção do controle de armazenamento e alterações, assegurar informações dos recursos humanos, de documentos sigilosos, senhas, assim como, prevenir, identificar rapidamente e documentar ocasionais ameaças contra a Organização.

A gestão da Segurança da Informação abrange mais do que gerenciar as soluções de tecnologia, envolve também a Gestão de Pessoas, entretanto algumas empresas descuidam deste importante fator. Caso a informação seja acessada por uma pessoa não permitida e com más intenções, pode causar perdas inestimáveis para a Organização. A política de segurança e a conscientização dos usuários são algumas das possibilidades de se obter controle da informação dentro da empresa.

O papel da Gestão de Pessoas, nesse contexto, é mostrar que todos os recursos humanos presentes na organização são responsáveis pela segurança da informação, sendo papel do Gestor coordenar, assegurar e orientar sua equipe quanto a importância do sigilo, do uso consciente e da preservação da informação, quando se tratando de assuntos confidenciais, seja dentro da empresa ou entre os funcionários. É também papel do Gestor de Pessoas ter a percepção de como as pessoas lidam com as informações, se são usuários instruídos ou incapazes no uso da tecnologia da informação e acesso a assuntos confidenciais. Deve-se considerar que cada membro da sua equipe reage e compreende de formas diferentes as mensagens que lhe são passadas.

É importante que se crie diretrizes a partir da implementação de um conjunto de políticas, processos e procedimentos, que eliminem as vulnerabilidades e seja possível administrar e reduzir riscos, segmentado através de sua importância / relevância, deliberando sobre os níveis de segurança compatíveis e com avaliação do valor da informação e o custo da proteção.

Uma das possibilidades para os gestores é a formação de um grupo de pessoas, formado por profissionais de diversas áreas da empresa, responsáveis por divulgar e criar procedimentos de segurança, com reuniões periódicas e sob a supervisão do Gestor, que busquem criar formas de manter a segurança em todas as áreas, níveis hierárquicos e tipos de informação dentro da empresa. Podendo, inclusive, criar um manual de boa conduta, realizar divulgações interna através dos principais meios de comunicação, além de proporcionar treinamentos, palestras, aplicação de e-learning e criação de controles com eficiência comprovada.

  • Uso da Tecnologia da Informação em Gestão de Pessoas:

O emprego da Tecnologia da Informação acelera e uniformiza processos, estabelecendo novos desafios aos gestores, que devem alinhar esforços e recursos, passando a mensurar os resultados estratégicos nas perspectivas da utilização da Tecnologia da Informação. A finalidade é substituir a força e a qualificação humana por um mecanismo que permita que os mesmos processos sejam realizados, a um menor custo, embora com mais controle e facilitando o uso de dados e informações rapidamente.

Na Gestão de Pessoas, a tecnologia pode ser utilizada para automatizar operações que passam a ser realizadas através, por exemplo, do auto-atendimento. Estes sistemas permitem acesso dos funcionários à informações relevantes que administram sua relação com a Organização, atendendo serviços como atualização e consultas a prontuário. Outra importante criação está nos canais de comunicação, onde é possível divulgar políticas, normas e procedimentos da empresa, sendo um facilitador para a publicação de informes e a comunicação direta entre gestor e equipe, colaborando para o processo de integração positiva. Como princípio fundamental, é preciso perceber que as tecnologias são como elementos de mudança organizacional e um facilitador para os gestores na condução dos processos junto a equipe.

A aplicação da tecnologia colabora também para o estabelecimento da segurança e confiabilidade dos sistemas de informação de uma empresa, onde permite maior controle, organização e, como resultado, mais produtividade de seus profissionais, seja no RH ou em qualquer área na empresa, que passam a ter um tempo maior para se dedicarem a análises.