VEJA COMO ADMINISTRAR MELHOR O SEU TEMPO

“Perder tempo em aprender coisas que não interessam, priva-nos de descobrir coisas interessantes”.

Carlos Drummond de Andrade

Nessa entrevista, o consultor em gestão do tempo e produtividade Christian Barbosa ensina conceitos básicos, embora muito importantes, sobre como administrar melhor o seu tempo. Ele traz exemplos do dia a dia e define, por exemplo, a diferença entre importante e urgente, para dar uma clareza sobre o que priorizar para ser mais eficiente e não se esbarrar no sentimento da falta de tempo que enlouquece tantos profissionais.

Anúncios

Como fazer com que os aplicativos de produtividade sejam realmente eficientes

Gestão do tempoOs programas para gestão do tempo auxiliam para que se obtenha mais produtividade, mas isso não é tudo. Muitas vezes, as primeiras tentativas na solução desse problema não serão as melhores, pois depois que o download é feito nem sempre as promessas são observadas na prática. Primeiramente, seja paciente e procure  entender que nenhuma ferramenta será eficiente sozinha, elas são facilitadoras, então identifique no seu comportamento o que traz prejuízos para seu desempenho e tome algumas atitudes que são a base para a boa administração do tempo.

Uma boa dica é estabelecer horários para checagem das ferramentas, não deixe que elas atrapalhem seu dia, pois a funcionalidade não pode ser mais importante que a finalidade. Independente do método que utilizar para administrar seu tempo, tenha domínio sobre sua escolha, é necessário sempre algum esforço para haver mudanças e para que o resultado positivo seja permanente.

Abaixo seguem alguns pontos que devem ser considerados nessa gestão do tempo:

– Classificar as tarefas: distinguir o que é urgente e importante.

Veja no vídeo abaixo um auxílio de como decidir quais tarefas devem ser realizadas primeiro:

Qual a diferença entre urgente e importante

– Planejamento: quando eficiente, poupa até 4h na execução da atividade e produz melhor resultado. Nesse ponto, definir o tempo de execução é primordial;

– Delegação: identificar quais atividades devem ser realizadas por você ou por outras pessoas;

– Foco: levar o tempo mínimo para a realização das tarefas, sem dispersão e com qualidade;

– Boa comunicação: não ser prolixo, ser um bom ouvinte para compreender a real necessidade do outro, ser objetivo e claro.

– Disciplina: fazer que essa gestão se torne um hábito em sua vida, estabelecer uma mudança de comportamento;

– Organização: é o controle para que todos os demais pontos sejam realizadas de forma eficiente.